CheckStore na Dubai Expo 2020

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Tempo de leitura: 5 minutos

A cidade de Dubai foi escolhida para receber a Expo de 2020, que foi adiada para início em outubro de 2021 por conta da pandemia. Isso permitiu aos organizadores do evento um tempo maior para construir mais pavilhões e refinar a infraestrutura do evento.

Portais de entrada da Expo Dubai 2020

O que é uma Expo mundial?

Com início no Século 19, a expo era organizada em diversos países para reunir cientistas, inventores e artistas, que apresentavam suas obras. Sem a internet ou outros meios de comunicação, o evento era um grande encontro das principais mentes mundiais. Deu início em 1851 em Londres e suas edições apresentaram inovações como o telefone celular, máquinas de Raio-X e o delicioso sorvete de cone.

Curiosidade: a Torre Eiffel em Paris foi construída para a Expo Paris, para que viajantes de todo o planeta pudessem avistar de longe o local do evento e chegar com facilidade. Uma das maiores torres do mundo na época, a imponente estrutura foi pensada para ser desmontada após o evento, porém encantou tanto os parisienses e visitantes que decidiram mantê-la, tornando-a um cartão postal mundialmente reconhecido.
Bandeiras dos 191 países participantes

Expo Dubai 2020

O tema desta edição é ‘Connection Minds, Creating the Future’ e é baseado na crença de que inovação e progresso é resultado da união de pessoas e ideias. É o maior mega-evento do mundo (4.38km2), com mais tempo de atividade, com mais visitantes que a Copa do Mundo ou Olimpíadas. Com o tempo e o advento de novas tecnologias de comunicação, o propósito da expo mundial mudou e a edição de Dubai deu aos 191 países participantes a possibilidade de apresentar seu país de forma livre dentro dos pilares da edição:

  • Oportunidade
  • Sustentabilidade
  • Mobilidade

Com um investimento de mais de R$ 35 bilhões e uma infraestrutura impecável, a Expo Dubai 2020 foi a maior da história em tamanho, em investimento e também a primeira a ser realizada no Oriente Médio, Africa e Sul Asiático.

Um verdadeiro show de arquitetura e tecnologias audiovisuais marcaram a Expo Dubai 2020. Destacaram-se os enormes pavilhões das principais potências mundiais, como China, Estados Unidos, Coreia do Sul e alguns países europeus. A grande atração e o maior investimento foi para o pavilhão dos Emirados Árabes Unidos, os anfitriões.

Veja o vídeo abaixo:

Pavilhões

Conhecendo os Emirados Árabes Unidos

Não é possível falar da Expo Dubai 2020 sem falar dos Emirados Árabes Unidos (EAU). Antes de formação dos EAU, cada emirado era um protetorado britânico, previamente controlado pela coroa britânica e que após a independência conseguiu proteção militar da Inglaterra para garantir a estabilidade local, já que estão localizados próximos ao Iraque, Arábia Saudita, Kuwait, Irã, Afeganistão e outros países do golfo pérsico em guerra civil, guerra santa ou disputas territoriais. 

Um dos países mais novos do mundo surgiu da união de sete emirados independentes que buscavam cooperação, estabilidade e desenvolvimento econômico. Os principais emirados, Abu Dhabi e Dubai possuem um dos principais índices de IDH do mundo árabe e a população é composta por sua grande maioria de estrangeiros que se mudaram em busca de oportunidades. A moeda local é o Dirham (1 AED = R$ 1,55), mas outras moedas como Euro e Dólar são amplamente aceitas.

Os emirados são controlados pelo respectivo Sheik, ou Emir, num governo central hereditário, passando o poder para o filho mais velho, assim como operavam as famílias reais européias. 

Pavilhão impressionante dos Emirados Árabes Unidos

Conhecendo Dubai

Ao contrário do seu vizinho Abu Dhabi que obtém grande parte de suas receitas da exploração do petróleo e gás natural, Dubai teve que se reinventar quando identificaram que suas reservas não seriam suficientes para desenvolver o país. Foi então que o Sheik Zayed Al Maktoum, pai do atual mandatário, Sheik XXX Al Maktoum, decidiu desenvolver Dubai de uma outra forma. Com o principal foco no turismo, negócios e desenvolvimento imobiliário, Dubai tem crescido exponencialmente nos últimos anos. A cidade abriga 30% de todas as gruas do mundo para acelerar a construção civil da região. 

Dubai para o turismo

Para promover o turismo, foram construídos ousados empreendimentos para atrair turistas à região, como o prédio mais alto do mundo, o Burj Khalifa, o maior aquário do mundo, que abriga mais de 10 espécies de tubarões, a maior roda gigante do mundo, além de centenas de hotéis, incluindo o mais luxuoso do mundo situado em uma das ilhas artificiais.

Dubai para negócios

Nos negócios Dubai surpreende com seus arranha-céus e ousados projetos arquitetônicos, recebe eventos esportivos importantes, feiras de negócios e possui um atrativo sistema de fomento aos negócios com diversos centros de inovação que atraem empresários de todo o mundo para aproveitar suas zonas francas, chamadas de Free Zones. São diversos setores da economia que recebem incentivos de impostos, com garantia de 25 anos de isenção, facilidade para abertura de empresas, facilidade para movimentação de valores em diversas moedas, escritórios compartilhados, serviços de escritório e muitos outros, todos fornecidos pelo governo. A cidade também abriga o maior porto do mundo e um dos mais movimentados aeroportos do mundo. Por conta da sua localização estratégica no golfo pérsico, tornou-se um hub entre o oriente e o ocidente.

Inscreva-se em nossa newsletter

Receba nossos conteúdos sobre e-commerce.

Ao clicar em INSCREVER-SE você concorda com nossa Política de Privacidade.

Utilizamos cookies para garantir que você tenha a melhor experiência em nosso site. Se você continuar a usar este site, vamos supor que você está de acordo com isso. Em caso de dúvidas, acesse nossa Política de Privacidade.