O que é implantação de e-commerce?

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Tempo de leitura: 6 minutos

De forma geral, implantação de e-commerce, nada mais é do um processo que viabiliza integrar ou desenvolver uma solução completa dentro de uma plataforma para vender online 24 horas por dia sem nenhum impedimento.

Mas para que você entenda melhor sobre o processo de implantação de um e-commerce, é necessário compreender o que é um e-commerce e qual a sua importância atualmente no mercado.

O que é e-commerce e qual a sua importância para as empresas?

O e-commerce ou comércio eletrônico, refere-se a qualquer tipo de venda que acontece por meio da internet, atrelado a diversos canais de vendas que são as lojas virtuais, aplicativos, redes sociais e marketplaces.

Nos últimos anos as mudanças no comportamento dos consumidores têm levado cada vez mais pessoas a comprarem pela internet. Devido à pandemia, a busca do e-commerce para as empresas tornou- se maior do que nunca. De acordo com a Associação Brasileira de Comércio Eletrônico, atualmente existem mais de 930 mil sites de e-commerce no Brasil. 

Atualmente, o comércio eletrônico é um dos maiores fenômenos desse segmento, e sua evolução faz com que os consumidores comercializem seus bens e serviços de forma online, sem perda de tempo ou barreiras, facilitando que chegue a um número maior de consumidores ao mesmo tempo. Dessa forma, o e-commerce mostra-se como um complemento fundamental para qualquer negócio, possibilitando impulsionar as vendas e alcançar diferentes públicos rapidamente. Além disso, o comércio eletrônico ainda é considerado uma poderosa ferramenta de marketing, que auxilia na divulgação de produtos, marcas e serviços associados.

Como funciona a implantação de e-commerce?

Para realizar a implantação de um e-commerce, tudo deve ser pensado para viabilizar uma jornada de compra rápida e intuitiva, contribuindo assim, para a experiência do usuário. E um dos principais elementos que vão nortear este processo é a escolha da plataforma de e-commerce que será utilizada durante o processo de implementação. Esse meio envolve

desde a criação do site, até formas de pagamentos, logísticas e rotinas da operação, para alcançar a máxima eficiência em seu novo canal de vendas. 

Quais as vantagens de um e-commerce?

Como falamos anteriormente, o aumento das vendas online e o desenvolvimento de diferentes estratégias para expandir os canais de comércio eletrônico têm incentivado pequenos e grandes empreendedores a montar uma loja online. Mas esses não são os únicos benefícios. Confira, a seguir, os principais pontos que esse modelo de negócio pode oferecer à sua empresa.

  • Aumento do volume de vendas – O e-commerce oferece diversos benefícios para os clientes, principalmente para aqueles que não podem ir até uma loja física para comprar determinado produto, um grande potencial que ajuda a aumentar a sua carteira de clientes, devido à flexibilidade e mobilidade que a internet oferece. Além de possibilitar fazer pesquisas muito mais rápidas e comparar preços com maior facilidade, algo muito comum entre os consumidores atualmente.  
  • Visibilidade e vantagem competitiva O comércio eletrônico permite que as empresas alcancem maior visualização e fluxo de pessoas em um único lugar, possibilitando maior destaque em um mercado concorrido. Tornando a venda muito mais fácil, além de conquistar maior fidelidade dos consumidores.
  • Criação de anúncios com mais facilidade – Outro benefício importante de ter um e-commerce, é a facilidade de criar anúncios e lançá-los rapidamente na internet. Ou seja, a sua empresa não precisa gastar com impressão de materiais para manter os consumidores informados, e pode mudar o status de disponibilidade do produto em tempo real facilmente. Além disso, garantem mais controle sobre o desempenho de cada oferta através de uma análise de dados.  Tornando o gerenciamento das promoções e ações muito mais assertivas e eficientes.
  • Segurança As plataformas de comércio eletrônico possuem sistemas de prevenção à fraude. Reduzindo o risco de roubo, o que pode ser um problema comum nas lojas físicas.
  • Melhora a experiência do cliente – O e-commerce pode proporcionar uma experiência única ao cliente. Pois oferece um atendimento personalizado voltado para cada segmento, outra coisa é criar um site com layout exclusivo, totalmente responsivo baseado no nicho do seu negócio, com um excelente tempo de carregamento, atraindo muito mais pessoas interessadas no que você vende e garantir uma jornada de compra mais atrativa e segura. 
  • Integração com outros canais – Como o e-commerce já está inserido no cenário digital, incentivar os seus clientes a seguirem sua loja em redes sociais já é um passo para integrá-los em outros conteúdos. Além de abranger outros públicos, as redes sociais ajudam a aproximar seu público com a loja e assim criar uma maior fidelidade.

Quais os desafios de um e-commerce?

Como todo negócio, um e-commerce também possui pontos que podem ser considerados negativos por quem ainda não possui conhecimento necessário. Mesmo assim, é possível considerar algumas desvantagens como desafios a serem superados e fazer dele um grande aliado para a sua empresa. Descubra abaixo quais são eles.

  • Serviço de logística

Ter um bom setor de logística é um dos grandes desafios em um e-commerce. Qualquer falha neste trabalho pode comprometer todo o sucesso do negócio. É necessário se atentar bem ao prazo e produto que está indo até o cliente, garantindo total satisfação de quem comprou em sua loja online. Assim, toda e qualquer otimização feita na logística de uma loja online não é só bem-vinda como extremamente necessária.

Com o Scale da CheckStore, a logística fica muito mais fácil,  econômica e eficiente do que qualquer operação interna. O Scale é uma solução completa, ideal para qualquer negócio que busca crescer através de uma tecnologia proprietária sem comprometer sua eficiência operacional. Com processos fiscais feitos de forma inteligente e automatizada, aliados com a inteligência artificial no atendimento, garantindo uma melhor experiência ao cliente, ajudando a automatizar, digitalizar e personalizar o atendimento prestado. O Scale é um modelo de negócio perfeito para lojistas visionários, que queiram expandir seus negócios de maneira ágil, pois dispõe de armazéns no Brasil e no mundo para atender cada e-commerce de forma diferenciada.

  • Concorrência

Grandes lojistas investem fortemente em anúncios e outras estratégias de marketing digital. O que talvez para uma pessoa que está começando, não seja uma tarefa fácil de lidar. Mas, apesar disso parecer um grande empecilho para alcançar vendas, ainda é possível alavancar um pequeno e-commerce e torná-lo referência no mercado, se escolher bem as estratégias e uma plataforma que proporciona todo o suporte que necessita, tornando sua empresa ainda mais lucrativa e conhecida no mercado. Para isso,  é primordial se atentar na escolha do parceiro que você irá trabalhar para conseguir resultados reais alinhados aos seus objetivos.

  •  Experimentar o produto

Ao comprar em uma loja virtual, o cliente não consegue usar nenhum sentido além da visão. Não ter como sentir, tocar ou experimentar o produto que pretende comprar e até mesmo ter aquele atendimento mais físico – que muitos preferem, pode ser algo negativo para algumas pessoas.

Por isso, é imprescindível fazer com que seus clientes entendam a qualidade do produto ofertado. Seja mostrando mais detalhes do produto em vídeo, com parceiros/influenciadores falando da marca, recomendações, ou até dando um prazo diferenciado para que a pessoa prove em casa, caso não seja o produto que esperava, o consumidor pode devolver sem custos. Existem inúmeras estratégias que podem ser trabalhadas para evitar que esse problema afete o seu negócio online. 

Além disso, é muito importante ter uma descrição clara sobre o seu produto ou serviço, assim, o consumidor consegue visualizar melhor e optar ou não pela compra. Com isso, você conseguirá trabalhar com maior assertividade o seu produto, fazendo com que as pessoas comprem sem dificuldades e tenham uma excelente experiência, gerando a mesma satisfação como se tivesse comprado em uma loja física.

Considerações finais

Neste artigo, entendemos um pouco mais sobre o comércio eletrônico, sua implantação e as vantagens e desvantagens desse modelo de negócio. Como podemos ver, o cenário é promissor para quem investe em uma loja virtual. Embora ele possua algumas desvantagens como acompanhamos a pouco, o e-commerce tem se tornado um aliado poderoso para muitas empresas. E o melhor é que agora, você já tem noção sobre as vantagens e desvantagens sobre ele, podendo aproveitar as oportunidades atuais com maior entendimento e preparo para buscar formas de superar os seus principais desafios.

Você está pronto para começar a planejar o seu e-commerce? Caso ainda tenha ficado alguma dúvida ou deseje mais informações sobre como iniciar a sua loja virtual, entre em contato conosco, será um prazer te ajudar!

Inscreva-se em nossa newsletter

Receba nossos conteúdos sobre e-commerce.

Ao clicar em INSCREVER-SE você concorda com nossa Política de Privacidade.

Utilizamos cookies para garantir que você tenha a melhor experiência em nosso site. Se você continuar a usar este site, vamos supor que você está de acordo com isso. Em caso de dúvidas, acesse nossa Política de Privacidade.